Últimos Posts

quinta-feira, 25 de maio de 2017

VIRADA CULTURAL PAULISTA 2017

Programação Paralela da Virada Cultural 2017.


Além dos palcos externo e interno, durante a Virada haverá atrações também no Espaço Cultural "Ezequiel Bambini" - Av. Sampaio Vidal, s/n (em frente ao SENAI) e no Centro Cultural (Biblioteca Municipal - Av. Sampaio Vidal, 245), no Auditório Octávio Lignelli, Sala de Projeção Municipal/Clube de Cinema e Museu de Paleontologia, com contação de histórias, cinema da virada e visita ao Museu de Paleontologia.

Confira a Programação:

CENTRO CULTURAL
Av. Sampaio Vidal, 245 (entrada pela Av. Rio Branco)

MUSEU DE PALEONTOLOGIA
Com réplicas e fósseis de dinossauros e outras espécies, o Museu possui também painéis ilustrativos, fotos e banners, além de uma sala de vídeo para palestras e projeção de vídeos alusivos ao tema.
Aberto para visitação:
Sábado - 27/5: das 18h às 22h.
Domingo - 28/5: das 10h às 13h.


Dia 27/5 (Sábado):
SALA DE PROJEÇÃO MUNICIPAL/CLUBE DE CINEMA:
18h - Filme: Mônica e o Desejo (Sommaren med Monika). Comédia dramática. 95min, 1953. Direção: Ingmar Bergman. Class. indicativa 14 anos..


20h - Encurralado (Duel) . Drama/Suspense. 92min, 1974. Direção: Steven Spielberg. Class. indicativa: 14 anos.


22h - Taxi Driver - Motorista de Táxi. Drama/Policial. 115min, 1976. Direção: Martin Scorcese. Class. indicativa: 14 anos.

Dia 28/05:
AUDITÓRIO MUNICIPAL "PROF. OCTÁVIO LIGNELLI":

10h: Contação de Histórias: Contos Daqui e de Lá – Grupo Parampará

SALA DE PROJEÇÃO MUNICIPAL/CLUBE DE CINEMA:


14h - Knetter. Comédia/Drama. 86min, 2005. Direção: Martin Koolhoven. Legendado. Class. indicativa: LIVRE.


16h - No Direction Home. Documentário/Biografia. 201min, 2005. Direção: Martin Scorcese.

EAPAÇO CULTURAL
Av. Sampaio Vidal, s/n (em frente ao SENAI)

Dia 28/5 - 9h: Zumba Cultural
Com a professora Luciane Félix

Veja a programação completa da Virada Cultural Paulista 2017 em Marília clicando aqui.

quarta-feira, 24 de maio de 2017

TRIO ELÉTRICO ABRE VIRADA CULTURAL EM MARÍLIA

Novidades na programação ampliam variedades de linguagens artísticas da Virada

A Virada Cultural em Marília esse ano começa com uma novidade que é o bloco da Virada com um trio elétrico que realizará um percurso na cidade, saindo da Avenida das Esmeraldas seguindo até a Avenida das Indústrias, onde está instalado o palco externo com os principais shows da programação. O trio será regido pela banda mariliense Perfil, acompanhado do trio elétrico Furgoshow.  
A concentração está marcada para ter início às 16h30, na praça da Emdurb com a presença das baterias da Unesp e bateria da Escola de Samba Portuguesinha do Morro. O percurso segue para a Avenida Tiradentes, Rua Bandeirantes, Avenida Sampaio Vidal e se dirige para a Avenida das Indústrias, ponto principal da Virada na cidade. O show conta com muito axé, músicas de carnaval e samba.
Não haverá distribuição de abadás e a população está convidada a acompanhar o trio que contará com o apoio e segurança do grupo de apoio ao trânsito de Marília.
Na sequencia do trio, no palco principal, acontece o show da banda, também mariliense, Capitão Fumaça que realiza um tributo a Beatles por 1 hora para o público.
Outras programações estão agendadas durante a virada e o roteiro completo pode ser visto no facebook da Secretaria Municipal da Cultura.















PROGRAMAÇÃO

27 de maio
Saída da Praça da Emdurb
16h30 – Trio elétrico com a banda Perfil 
(percurso com o trio elétrico até a Avenida das Indústrias)

Palco Teatro Municipal Waldir Silveira Mello*
18h: Abertura Oficial – autoridades e representantes do Governo do Estado e Apaa
18h30: Dança: Ballet Stagium “Mané Gostoso”
22h: Dança: TF Style “Sob a pele”

Palco Avenida das Indústrias
19h30: Banda Capitão Fumaça
21h: Dança: Tá limpo – Discípulos do Ritmo
22h30: Música: Show Negritude Jr
23h59: Música: Show Hugo e Tiago

Auditório Municipal "Prof. Octávio Lignelli"
(piso superior da Biblioteca Municipal - entrada pelo Museu de Paleontologia)
10h - Contação de Histórias - Contos Daqui e de Lá - Grupo Paranpara

UMA NOITE NO Museu de Paleontologia: 18h às 22h

Sala de Projeção Municipal/Clube de Cinema de Marília
(piso superior da Biblioteca Municipal - entrada pelo Museu de Paleontologia)
18h - Mônica e o Desejo (A Summer with Monika). Gênero: Comédia dramática. Duração: 95min. País: Suécia. Ano: 1953. Direção: Ingmar Bergman. Class. indicativa 14 anos.
20h - Encurralado (Duel). Gênero: Drama/Suspense. Duração: 92min. País de origem: EUA. Ano: 1974 Direção: Steven Spielberg. Class. indicativa: 14 anos.
22h - Taxi Driver - Motorista de Táxi (Taxi Driver). Gênero: Drama/Policial. Duração: 115min. País de Origem: EUA. Ano: 1976. Direção: Martin Scorcese. (em parceria com o MIS - Museu da Imagem e do Som - São Paulo). Class. indicativa: 14 anos.

*Entrada por ordem de chegada até a lotação do teatro. Serão disponibilizados 400 lugares. A abertura do teatro se dará sempre 15 min antes das apresentações.


28 de maio

VISITA: Museu de Paleontologia: 10h às 13h

Auditório Municipal
10h: Contação de Histórias: Contos Daqui e de Lá – Grupo Parampará

Palco Teatro Municipal Waldir Silveira Mello*
11h: Teatro Infantil: Gigantes do Ar com Pia Fraus
16h: Teatro: Sala de Espera com Eco Teatral
17h30 – Música: Orquestra Terra Brasil

Palco: Avenida das Indústrias
9h: Zumba com Luciane Felix
15h30: Stand Up Comedy – Vida Curta, Dias longos com Daniel Duncan
17h: Música: Show Far From Alaska

18h30: Show de encerramento: Rael 

Sala de Projeção Municipal/Clube de Cinema de Marília
(piso superior da Biblioteca Municipal - entrada pelo Museu de Paleontologia)
14h - Knetter (Knetter). Gênero: Comédia/Drama. Duração: 86min. País de Origem: Holanda. Ano: 2005. Direção: Martin Koolhoven. Class. indicativa: LIVRE.
16h - No Direction Home. Documentário/Biografia. Duração:, 201min. País de origem: EUA/Japão/Reino Unido. Ano: 2005. Direção: Martin Scorcese. Class. indicativa: 12 anos.


*Entrada por ordem de chegada até a lotação do teatro. Serão disponibilizados 400 lugares. A abertura do teatro se dará sempre 15 min antes das apresentações. 

terça-feira, 23 de maio de 2017

ESTUDANTES DE PEDAGOGIA VISTAM NOVA SEDE DA BIBLIOTECA MUNICIPAL


Na manhã da última sexta-feira, 19, estudantes do curso de Pedagogia da Uniesp - Faculdade de Marília visitaram a nova sede da Biblioteca Municipal, acompanhados da professora e coordenadora do curso, Luciana Cordeiro Cavalcanti, da coordenadora da Biblioteca Rosane Fagotti Voss e do Secretário da Cultura André Gomes.

Na ocasião, os estudantes conheceram os projetos de mudanças físicas e conceituais da Biblioteca Municipal e aprovaram as novidades que serão positivas para a população, além de ser importante ferramenta de auxílio para estudantes que contarão com amplos espaços, novas aquisições de livros, wi-fi, computadores, ou seja, um espaço para que ele possa desenvolver seus trabalhos e pesquisas.

Para a professora e coordenadora do curso, Luciana Cordeiro Cavalcanti, a mudança é muito significativa e louvável. “Esse novo projeto contempla uma biblioteca interativa, humana, que tem como objetivo aproximar as pessoas da leitura; fazer da leitura um hábito permanente, que as pessoas frequentem a biblioteca porque querem e não porque precisam. Aproximar a biblioteca do comércio foi excelente, pois vai estar próxima das pessoas, oferecendo espaços para descanso, momentos de lazer, e leitura como hábito do cotidiano”, disse.

Sobre o destino do prédio da Avenida Sampaio Vidal, Luciana destaca que “a biblioteca vai deixar o outro prédio, mas ele não vai se transformar em um lugar abandonado, e sim, um lugar onde a cultura vai crescer ainda mais, já que vai abrigar importantes instituições também de valor cultural como o Museu Histórico e Galeria de Artes”.

Segundo André Gomes, o objetivo é dialogar com todas as Universidades de Marília. “Nós adotamos a concepção antropológica de cultura, para a qual, cultura é tudo que nos é caro, tudo que nos define como povo. Em outras palavras é o conhecimento socialmente produzido pela humanidade e as Universidades são produtoras de conhecimento por excelência. Nesse sentido, nada mais justo que estabelecer parcerias com estas instituições”, destacou.

Letícia Magalhães, estudante de pedagogia, se diz encantada pela com nova biblioteca. “Sou frequentadora da biblioteca e agora vejo que temos diversos atrativos com os novos projetos, além deste prédio moderno, um espaço maravilhoso e agradável. Quero participar dos projetos, quero trazer minha filha para brinquedoteca, contação de histórias, quero participar de todas atividades. Realmente, este será um espaço muito especial dentro de nossa cidade de Marília”, disse Letícia.


O PROJETO


A Biblioteca Municipal de Marília está de mudança para um prédio novo, moderno e maior do que o atual espaço.  O prédio possui 850m² de espaço livre para trabalhar o conceito de biblioteca viva com várias ações e programas culturais de qualidade, oferecendo melhores acomodações para diversos públicos e idades. Será uma Biblioteca modelo no Estado de São Paulo.

A mudança leva a Biblioteca Municipal a um prédio totalmente acessível, com elevador braile e banheiros adaptados, buscando oferecer espaços fixos para contação de histórias, cursos, oficinas, jogos, RPG, palestras e convivência.

“A nova biblioteca mantém os setores infantis, juvenis, braile e terceira idade, tornando-se um lugar mais adequado à leitura, climatizado, confortável e disponível com diversos serviços; é assim que nossa nova biblioteca vai ficar”, explica Rosane Fagotti, coordenadora da Biblioteca Municipal.

Segundo ela, atualmente as bibliotecas mudaram seu perfil e conceito, “biblioteca não é mais um depósito de livros velhos, desatualizados que efetua apenas empréstimos e atende a pesquisas. É também um lugar de convivência, trocas e aprendizado mútuo”, completa Rosane.

O setor braile é, por decreto, unido à biblioteca municipal, porém a atual administração manterá uma biblioteca ramal braile, com uma bibliotecária efetiva no prédio da Avenida Sampaio Vidal para que os usuários da Associação dos Deficientes Visuais - Adevimari (que se encontra instalada no 1º andar desse prédio, desde a última gestão municipal) seja atendida plenamente, sem nenhum prejuízo à leitura, tendo agora duas opções e ofertas de serviços especializados para esse público.


Objetivando otimizar a frequência dos espaços culturais da cidade, a nova administração instalará no prédio da Sampaio Vidal, a Secretaria da Cultura, o Museu Histórico e Pedagógico e também a Galeria Municipal de Artes no mesmo local. Atualmente, esses equipamentos públicos estão em locais separados na cidade e de difícil acesso à população, que às vezes, desconhecem por falta de acessibilidade e visibilidade.
(Foto: Ana Carolina Vernaschi)

segunda-feira, 22 de maio de 2017

VIRADA CULTURAL PAULISTA ACONTECE EM MARÍLIA NESSE FINAL DE SEMANA

Programação terá pagode, sertanejo e rap e acontece em três locais da cidade

Acontece nos dias 27 e 28 de maio, a Virada Cultural Paulista de 2017 em Marília. A programação tem início no sábado (27) com uma novidade que é um bloco de carnaval com o musical Perfil, programado para sair às 16h30, na Praça da Emdurb.

Rael e Negritude Jr são algumas das atrações musicais que fazem parte da programação do palco externo, que conta ainda com outras manifestações artísticas como teatro e dança.

A Virada Cultural Paulista é uma realização do Governo do Estado de São Paulo em parceria com a Prefeitura de Marília, busca proporcionar ao público o acesso às melhores produções artísticas do País, nas mais variadas linguagens: música, dança, circo, artes cênicas, arte para crianças, dentre outras.

Para participar da programação do Teatro Municipal, a Secretaria da Cultura informa que a entrada será por ordem de chegada e sujeita à lotação do Teatro (400 lugares). A abertura das portas se dará 15 minutos antes do início de cada espetáculo. A programação do palco externo (Av. das Indústrias) é livre e pode ser apreciada por todos os públicos.

Haverá ainda uma programação paralela na Sala de Projeção Municipal / Clube de Cinema de Marília com exibição de filmes gratuitamente.

PROGRAMAÇÃO

27 de maio
Saída da Praça da Emdurb
16h30 – Trio elétrico com a banda Perfil 
(percurso com o trio elétrico até a Avenida das Indústrias)

Palco Teatro Municipal Waldir Silveira Mello
18h: Abertura Oficial – autoridades e representantes do Governo do Estado e Apaa
18h30: Dança: Ballet Stagium “Mané Gostoso”
22h: Dança: TF Style “Sob a pele”

Palco Avenida das Indústrias
19h30: Banda Capitão Fumaça
21h: Dança: Tá limpo – Discípulos do Ritmo
22h30: Música: Show Negritude Jr
23h59: Música: Show Hugo e Tiago

Auditório Municipal "Prof. Octávio Lignelli"
(piso superior da Biblioteca Municipal - entrada pelo Museu de Paleontologia)
10h - Contação de Histórias - Contos Daqui e de Lá - Grupo Paranpara

UMA NOITE NO Museu de Paleontologia: 18h às 22h

Sala de Projeção Municipal/Clube de Cinema de Marília
(piso superior da Biblioteca Municipal - entrada pelo Museu de Paleontologia)
18h - Mônica e o Desejo (A Summer with Monika). Gênero: Comédia dramática. Duração: 95min. País: Suécia. Ano: 1953. Direção: Ingmar Bergman. Class. indicativa 14 anos.
20h - Encurralado (Duel). Gênero: Drama/Suspense. Duração: 92min. País de origem: EUA. Ano: 1974 Direção: Steven Spielberg. Class. indicativa: 14 anos.
22h - Taxi Driver - Motorista de Táxi (Taxi Driver). Gênero: Drama/Policial. Duração: 115min. País de Origem: EUA. Ano: 1976. Direção: Martin Scorcese. (em parceria com o MIS - Museu da Imagem e do Som - São Paulo). Class. indicativa: 14 anos.

28 de maio

VISITA: Museu de Paleontologia: 10h às 13h

Auditório Municipal
10h: Contação de Histórias: Contos Daqui e de Lá – Grupo Parampará

Palco Teatro Municipal Waldir Silveira Mello
11h: Teatro Infantil: Gigantes do Ar com Pia Fraus
16h: Teatro: Sala de Espera com Eco Teatral
17h30 – Música: Orquestra Terra Brasil

Palco: Avenida das Indústrias
9h: Zumba com Luciane Felix
15h30: Stand Up Comedy – Vida Curta, Dias longos com Daniel Duncan
17h: Música: Show Far From Alaska

18h30: Show de encerramento: Rael 

Sala de Projeção Municipal/Clube de Cinema de Marília
(piso superior da Biblioteca Municipal - entrada pelo Museu de Paleontologia)
14h - Knetter (Knetter). Gênero: Comédia/Drama. Duração: 86min. País de Origem: Holanda. Ano: 2005. Direção: Martin Koolhoven. Class. indicativa: LIVRE.

sexta-feira, 19 de maio de 2017

COMISSÃO DE REGISTROS HISTÓRICOS APROVA NOVO PROJETO DA BIBLIOTECA MUNICIPAL

Secretário da Cultura André Gomes recebe Comissão em nova sede da biblioteca 
(Foto: Ana Carolina Vernaschi)

Na tarde desta quinta-feira (18), membros da Comissão de Registros Históricos da Câmara Municipal estiveram reunidos com o Secretário da Cultura André Gomes e a Coordenadora da Biblioteca Municipal Rosane Fagotti Voss, em sua nova sede. Na ocasião, o Secretário fez uma explanação do projeto global, que envolve as mudanças (física e conceitual) da Biblioteca, bem como o destino do antigo prédio, que agora irá abrigar um grande complexo cultural.

Entre os presentes, o vereador e presidente da Comissão, Cícero do Ceasa, destacou a importância da preservação da memória que representa o prédio da Avenida Sampaio Vidal. Durante a reunião, além de aprovar as mudanças, as instituições firmaram compromisso de lutar pelo tombamento do prédio e pela restauração da plataforma da antiga Estação Ferroviária como meio de preservar o patrimônio histórico da cidade de Marília.

Para o secretário André Gomes essa reunião foi fundamental para esclarecer os membros da Comissão de Registros Históricos sobre as mudanças propostas.

“Havia por parte da comissão uma preocupação com a valorização da memória presente no histórico prédio da Sampaio Vidal que poderia ser perdida com essa mudança. Pudemos então assegurar a eles que a memória será preservada, já que o prédio mantém intacto as suas características arquitetônicas e ainda vai abrigar uma instituição que é especializada na manutenção da memória que é o Museu Histórico e Pedagógico”, destacou André.

O PROJETO

A Biblioteca Municipal de Marília está de mudança para um prédio novo, moderno e maior do que o atual espaço.  O prédio possui 850m² de espaço livre para trabalhar o conceito de biblioteca viva com várias ações e programas culturais de qualidade, oferecendo melhores acomodações para diversos públicos e idades. Será uma Biblioteca modelo no Estado de São Paulo.

A mudança leva a Biblioteca Municipal a um prédio totalmente acessível, com elevador braile e banheiros adaptados, buscando oferecer espaços fixos para contação de histórias, cursos, oficinas, jogos, RPG, palestras e convivência.

“A nova biblioteca mantém os setores infantis, juvenis, braile e terceira idade, tornando-se um lugar mais adequado à leitura, climatizado, confortável e disponível com diversos serviços; é assim que nossa nova biblioteca vai ficar”, explica Rosane Fagotti, coordenadora da Biblioteca Municipal.

Segundo ela, atualmente as bibliotecas mudaram seu perfil e conceito, “biblioteca não é mais um depósito de livros velhos, desatualizados que efetua apenas empréstimos e atende a pesquisas. É também um lugar de convivência, trocas e aprendizado mútuo”, completa Rosane.

Com a proposta de implementar novos programas, o local possui um espaço amplo para a oferta de atividades e também facilita a captação de verbas nas instituições estaduais e federais, devido à acessibilidade e outras necessidades que as agências de fomento solicitam.

Segundo Gomes, a Biblioteca estava abandonada e esquecida pelos governos anteriores. As paredes com infiltrações, os mobiliários danificados e há 11 anos o município não adquiria um único livro novo para incentivo à leitura. A mudança envolve questões administrativas e técnicas, o prédio da Sampaio Vidal também não possui estrutura para ar condicionado, necessário à conservação do acervo, finaliza.

“Num país onde as estatísticas apontam que o brasileiro não lê, precisamos mudar esse cenário urgente e é isso que a nova administração quer, mudar o quadro é urgente e oferecer condições dignas para que o cidadão mariliense tenha uma biblioteca adequada e de referência na cidade e região”, destaca Rosane Fagotti.

O setor braile é, por decreto, unido à biblioteca municipal, porém a atual administração manterá uma biblioteca ramal braile, com uma bibliotecária efetiva no prédio da Avenida Sampaio Vidal para que os usuários da Associação dos Deficientes Visuais - Adevimari (que se encontra instalada no 1º andar desse prédio, desde a última gestão municipal) seja atendida plenamente, sem nenhum prejuízo à leitura, tendo agora duas opções e ofertas de serviços especializados para esse público. “Pretendemos desenvolver o mais breve possível projetos para captar recursos e melhorar essa biblioteca especializada que é referência na região”, destaca Rosane.

É preciso uma Biblioteca viva e pulsante que possa dialogar com os diferentes usuários, trazendo a população pra dentro dela e também indo ao encontro a população. Ela deve ser parte integrante de um programa de incentivo a leitura, que vai se desdobrar em diversos projetos e ações, finaliza o Secretário da Cultura.

Objetivando otimizar a frequência dos espaços culturais da cidade, a nova administração instalará no prédio da Sampaio Vidal, a Secretaria da Cultura, o Museu Pedagógico e também a Galeria Municipal de Artes no mesmo local. Atualmente, esses equipamentos públicos estão em locais separados na cidade e de difícil acesso à população, que às vezes, desconhecem por falta de acessibilidade e visibilidade.

Para o prédio da Sampaio Vidal, o objetivo é tornar-se um grande centro cultural que já abriga o Teatro Municipal e o Museu de Paleontologia, atraindo assim o visitante para uma overdose cultural num mesmo local e oportunizando melhores condições para esse acesso.

A economia de aluguel é de 2 mil reais por mês (atualmente a Prefeitura gasta 11 mil reais com o aluguel dos prédios) e o dinheiro economizado nessa mudança deve ser investido na compra de livros e acervo para os espaços de cultura.





REGULAMENTO DO I FESTIVAL DE MÚSICA SERTANEJA E CAIPIRA

REGULAMENTO DO “I FESTIVAL DE MÚSICA SERTANEJA E CAIPIRA DE MARÍLIA” – 2017

APRESENTAÇÃO:

Com o intuito de divulgar, valorizar e fomentar a cultura e a música sertaneja e caipira, a Prefeitura Municipal de Marília, por meio da Secretaria Municipal da Cultura realizará o “I Festival de Música Sertaneja e Caipira de Marília”, edição 2017.

Trata-se de um Festival regional tendo em vista a influência marcante da música sertaneja e caipira na formação social e cultural de nossa cidade e região. O Festival tem por objetivo contribuir para o desenvolvimento de nossa cultura e para o resgate de elementos importantes para perpetuação do estilo caipira e sertanejo em nossa região.

As informações contidas neste festival são de extrema importância para a formação e profissionalização da nova geração de artistas, que ganharão bagagem e conteúdo, garantindo permanência maior no mercado fonográfico e de entretenimento.

O Festival será realizado em duas etapas, no dia 04 de junho a partir das 12 horas, na Rua José Osvaldo Petito, s/n – bairro JK, em frente ao poliesportivo do JK, sendo:

Primeira - Classificação: Escolha das 07 (sete) melhores canções e interpretações para a Final por uma comissão julgadora, composta por pessoas envolvidas com a cultura e de notável conhecimento musical;

Segunda - Final: Escolha dos 03 (três) premiados, ou seja, os 03 (três) primeiros lugares na categoria “Sertanejo e Caipira”.

As inscrições estarão abertas no período de 19 de maio, a partir das 14 horas, até dia 04 de junho até às 11 horas e deverão ser feitas na Secretaria Municipal da Cultura, Rua Lupércio Garrido, 44 – bairro Barbosa (horário comercial); no Centro Cultural e de Lazer “Ezequiel Bambini”, Av. Sampaio Vidal, s/n – Centro (horário comercial); Bar do Zé do Boi, Av. José Rino, 728 – bairro JK ou pelo e-mail sc@marilia.sp.gov.br

REGULAMENTO:

Art. 1º - DO FORMATO: O “I Festival de Música Sertaneja e Caipira de Marília” é um festival de canções sertanejas e caipiras inéditas e originais e de interpretação de músicas consolidadas na cena sertaneja e caipira e com a temática livre. O festival será constituído de uma categoria: “Sertanejo e Caipira”.

§ 1º - Entende-se por inédita a música que não tenha sido distribuída comercialmente, nem lançada por gravadora com selo e registro no ECAD e, como original, a que não contiver plágio, adaptação, ou conteúdo similar de outro autor ou compositor.

§ 2º - Entende-se por interpretação de musicas consolidadas na cena sertaneja e caipira a interpretação de músicas que já tenham sido distribuídas comercialmente ou lançadas por gravadora com selo e registro no ECAD.

§ 3º - As músicas poderão ser apresentadas, por intérprete solo ou em duplas, com acompanhamento próprio ou de terceiros, sem a presença de play back, seqüencial, ou similar, em todas as etapas.

§ 4º - Na categoria “Sertanejo e Caipira” o acompanhamento musical deve ser por instrumentos acústicos ou eletrificados (viola caipira, violão, acordeom, percussão, etc.) sendo expressamente vedado o uso de play back, seqüencial, ou similar, em todas as apresentações.

Art. 2º - DATA, APRESENTAÇÃO E ORGANIZAÇÃO: O Festival será realizado em duas etapas, na cidade de Marília, na data e horários a seguir:

§ 1º - Classificação: Dia 04 de junho a partir das 12 horas acontecem às apresentações publica de todos os inscritos no Festival. Esta etapa tem por objetivo a seleção das 07 (sete) canções e interpretações para a Final por uma comissão julgadora composta por pessoas envolvidas com a cultura e de notável conhecimento musical. O resultado dessa etapa será divulgado no próprio dia 04 de junho após a apresentação de todos os inscritos.

§ 2º - Final: Dia 04 de junho, após o anuncio dos 07 (sete) finalistas, acontece à apresentação pública dos mesmos, desses, serão escolhidas as 03 (três) canções e interpretações premiadas, sendo 1º, 2º e 3º lugares na categoria “Sertanejo e Caipira”.

a) As apresentações das duas etapas do Festival acontecerão na Rua José Osvaldo Petito, Bairro JK, em frente ao poliesportivo do JK.

b) A ordem das músicas para apresentação nas etapas seguirá a ordem de inscrição no Festival.

c) A ordem da apresentação poderá ser alterada pela comissão organizadora desde que tenha motivo para esta ação.

d) As interpretações deverão ser executadas da forma como as músicas foram inscritas, ou seja, com o(s) mesmo(s) cantor(es) e instrumental, contidos na ficha de inscrição. O não cumprimento deste parágrafo torna o intérprete desclassificado automaticamente do
“I Festival de Música Sertaneja e Caipira de Marília”.

e) As 07 (sete) canções e interpretações selecionadas na etapa de Classificação serão apresentadas a partir do anuncio oficial dos finalistas.

f) Para as etapas de Classificação e Final, as passagens de som serão realizadas 5 minutos antes da apresentação, tendo como teto máximo 10 minutos.

g) A aparelhagem de som estará à disposição para a passagem de som.

h) Os intérpretes deverão apresentar-se uma hora antes do início das apresentações no dia 04 de junho no local das etapas, com instrumentos próprios. O não cumprimento deste parágrafo torna o intérprete desclassificado automaticamente.

i) Os intérpretes terão tempo limite de 5 minutos para iniciar a apresentação a partir do anuncio. Para cada minuto excedido, a música perderá um ponto do total apresentado pelo júri. Desta forma, um atraso maior que o total de pontos desclassificará o candidato automaticamente.

j) Todas as despesas referentes à participação no “I Festival de Música Sertaneja e Caipira de Marília” ocorrerão por conta exclusiva do participante.

k) O festival é organizado por uma comissão formada pela Secretaria Municipal da Cultura.

Art. 3º - DAS INSCRIÇÕES: As inscrições estarão abertas no período de 19 de maio, a partir das 14 horas, até dia 04 de junho até às 11 horas.

§ 1º - Cada participante terá direito a inscrever duas músicas, seja inédita ou para interpretação, podendo escolher qual musica será julgada.

§ 2º - A inscrição será gratuita.

§ 3º - As inscrições devem ser feitas na Secretaria Municipal da Cultura, Rua Lupércio Garrido, 44 – bairro Barbosa (horário comercial); no Centro Cultural e de Lazer “Ezequiel Bambini”, Av. Sampaio Vidal, s/n – Centro (horário comercial); Bar do Zé do Boi, Av. José Rino, 728 – bairro JK ou pelo e-mail sc@marilia.sp.gov.br.

§ 4º - As inscrições de menores de 18 anos deverão ser realizadas pelo responsável legal.

§ 5º - Somente serão consideradas músicas com a letra na língua portuguesa.

§ 6º - As inscrições deverão conter o seguinte material:

a) Ficha de inscrição totalmente preenchida pelo responsável e intérprete principal, sendo uma ficha por canção.

b) 05 (cinco) cópias impressas (presencial) ou digitalizadas (por e-mail) da letra de cada canção, com o nome da música e destacado se a mesma é inédita ou para interpretação.

• Observação 1: considera-se intérprete principal o músico eleito pelo grupo participante para ser o responsável pela apresentação nos casos de duplas.

• Observação 2: a ficha de inscrição e o regulamento poderão ser encontrados no blog culturamarilia.blogspot.com

§ 7º - As músicas inscritas com letras ou fichas incompletas serão desclassificadas.

§ 8º - O material inscrito não será devolvido.

§ 9º - É vedada a participação no “I Festival de Música Sertaneja e Caipira de Marília”, de membros do Júri, de pessoas com grau de parentesco com membros do Júri, de funcionários da Secretaria Municipal da Cultura, de pessoas com grau de parentesco com membros da comissão organizadora, bem como a inscrição de composições dos membros do Júri.

Art. 4º - DO JÚRI: A comissão julgadora, será composta por 5 (cinco) pessoas envolvidas com a cultura e de notável conhecimento musical.

§ 1º - Na categoria “Sertanejo e Caipira” o júri irá julgar os seguintes quesitos se a música for inédita e original:

a) Letra – 5 pontos
b) Melodia – 5 pontos
c) Evolução rítmica – 5 pontos
d) Harmonia – 5 pontos
e) Interpretação – 5 pontos
f) Afinação – 5 pontos

§ 2º - Na categoria “Sertanejo e Caipira” o júri irá julgar os seguintes quesitos se a música for para interpretação de música consolidada na cena Sertaneja ou Caipira:

a) Letra – 3 pontos
b) Melodia – 5 pontos
c) Evolução rítmica – 5 pontos
d) Harmonia – 5 pontos
e) Interpretação – 5 pontos
f) Afinação – 5 pontos

§3º - Das decisões do júri não cabem recursos.

Art. 5º - DA PREMIAÇÃO: Será distribuída aos 03 (três) primeiros colocados da categoria “Sertanejo e Caipira” a seguinte premiação:

1º lugar: R$ 2.000,00 (dois mil reais);

2º lugar: R$ 1.000,00 (um mil reais);

3º lugar: R$ 500,00 (quinhentos reais);

§ 1º - A premiação será paga pela Prefeitura Municipal de Marília simbolicamente, por meio de certificado no ato de anuncio dos vencedores.

§ 2º - Os três primeiros colocados deverão comparecer de forma presencial na Secretaria Municipal da Cultura de Marília, munidos de CPF, RG, PIS/PASEP ou NIT, comprovante de residência e dados de conta bancária, para oficializar o pagamento da Prefeitura Municipal de Marília.

§ 3º -   Os Inscritos no Festival, exceto os 03 (três) primeiros colocados, concorrerão a brindes que serão sorteados ao final do anuncio dos vencedores do Festival de acordo com o numero de inscrição.

Art. 6º - IMPEDIMENTOS: Na hipótese de ocorrência de força maior, ato de autoridade administrativa ou judicial, assim como, atos da natureza, queda de energia, acidentes e outras fatalidades ou circunstâncias que impeçam a realização das apresentações, qualquer etapa poderá ser adiada.

Parágrafo Único: No caso de início de uma apresentação e a mesma sendo impedida ou interrompida em razão de qualquer hipótese prevista neste regulamento haverá a repetição da apresentação.

Art. 7º - Os casos omissos no presente regulamento serão resolvidos soberanamente pela comissão organizadora da Secretaria Municipal da Cultura de Marília.


Marília, 19 de maio de 2017.



Comissão Organizadora:
  1. André Luís Baldinotti Gonçalves
  2. Flávia Helena Rodrigues Vieira
  3. Leandro Ramos
  4. Marcos Aurélio dos Santos
  5. Milena Deganuti de Mello


Júri:

  1. Maurílio Neto – Músico, compositor, intérprete, produtor. Diretor do “Projeto Talento” de Marília, jurado e organizador de vários festivais.
  2. Clayrton V. Basta – Maestro, músico, discípulo do professor Nezito, conservatório Carlos Gomes, conservatório Carlos de Campos em Tatuí-SP.
  3. Celso Brejão Júnior – Músico, arranjador, compositor, instrumentista. Conservatório Carlos Gomes. Banda Midas, Banda de Lá, Peoples Internacional Show. Conservatório Carlos de Campos em Tatuí-SP.
  4. David Lopes – Músico, produtor, proprietário de Studio.
  5. Mario Milani – Músico, escritor e compositor. 




 “I Festival de Música Sertaneja e Caipira de Marília” 2017
Ficha de Inscrição


Nome do participante (Interprete principal):

______________________________________________________________________________

(___) Masculino                                 (___) Feminino

Endereço: ______________________________________________________Nº_____________

Cidade: _______________________Estado: __________CEP: ___________________________

RG: _______________________________CPF: ______________________________________

Telefone: _________________________E-Mail: _____________________________________

Nome da Música: ______________________________________________________________

Compositores: _________________________________________________________________

(___) Letra Inédita                            (___) Letra para Interpretação

Nome do Interprete ou da Dupla Interprete:

_____________________________________________________________________________

Numero de músicos participantes: _________________________________________________

Instrumentos musicais utilizados: __________________________________________________

_____________________________________________________________________________

* Ao assinar a ficha de inscrição, o inscrito atesta que leu o regulamento do festival e aceita as condições por ele expressas.

Marília, ____ de___________________de 2017.


________________________________________
ASSINATURA DO INTÉRPRETE PRINCIPAL
OU RESPONSÁVEL

Endereço

Rua Lupércio Garrido, 44 - B. Barbosa
Marília/SP
CEP: 17.501-443

Contato

Fone: (14) 3402-6600
E-mail: sc@marilia.sp.gov.br
Facebook: Secretaria Municipal da Cultura de Marília

Atendimento

De Segunda a Sexta
Das 8h às 11h30 e das 13h às 17h30

Blog melhor visualizado em 1600 x 1024 pixels e zoom em 100%

Mais Template - Designed: Blogger Templates - Curioso Curiosidades